Minha primeira vez competindo

Boas…
Respira, peguem o papel e a caneta ou lápis e inicie o seu check list…

Pra dizer a verdade, antes do check list preciso lhes contar algumas boas sobre competições; sim as minhas…

Retornando alguns muiiiiitos anos no calendário, chego em 1978 onde tive o prazer de participar da minha 1a competição, o que na verdade foi um festival da Prefeitura de São Bernardo do Campo (minha Cidade Ntal).

Sabadão com o Astro Rei “esturricando” a carcaça da Criançada já às 7:30 da matina, cheguei para a minha 1a participação em um evento onde iria testar as minhas habilidades aquáticas…
Provas que participaria: 25m Livre e 25m Costas.
Aquecimento, orientações, balizamento, e espera, espera, espera, espera, espera e quando tudo estava prestes a acontecer, espera mais um pouco…

Chegada a hora depois de umas duas de espera caí para a minha “especialidade” 25m Livre…

3 apitos longos, ou melhor acho que foram 4!
“As suas marcas…”
“PÁ”, e na sequencia “SCABUSH”… Este foi o som do meu salto que terminou com a entrada do meu abdomem em 1o lugar…
EXATO!
“BARRIGADA” ardida demais…

Saí tão veloz para os 1os 25 da minha vida competitiva que quando cheguei do outro lado ví apenas TODOS me aguardando para sair da piscina…
“ULTIMASSO ou talvez ULTIMAÇO” com uma margem de 5 metros atrás dos outros 5 oponentes (a piscina tinha 6 raias)…

Tristeza?!?!?!?!
Nem “PHU…”
O momento foi tão refrescante que permaneci na água por mais 45 segundos… Total de permanência na H2O = 80 segundos’ pois acredito que levei 35 pra percorrer os intermináveis 25!

Mais alguns vários minutos (em torno de 70), e la vou eu para os 25 Costas…
“BARRIGADA” não rolou, mas esqueci de contar as braçadas depois da bandeirinha…
Resultado, quase uma concussão…

Soquei a cabeça tão forte na parede que os passarinhos que estavam rodeando o meu crânio foram os que me ajudaram a sair da piscina…

COLOCAÇÃO?!?!?!
Quem disse ÚLTIMO?!?!?!
EEEEEEEEEEEEEEEEEEEEEERRADO!
Foi um honroso penúltimo lugar…

Feliz da vida, eu e meu Galo que havia aparecido no topo do meu crânio seguimos felizes para casa…

Após meu “batizado” segui firme e fui para a minha segunda competição…
São Paulo – Clube Esperia…
Chegamos, aquecemos, e continuamos aquecendo na piscina recreativa onde existia um “maravilhoso” tobogã…

Depois da “enésima” escorregada, senti um leve enrosco no traseiro…

Alguns minutos depois segui para nadar a minha primeira prova, 50m Livre (“update” total, dobrei a distância!).
Ao chegar no balizamento, percebi que muitos me olhavam…
Na verdade, eles olhavam a minha parte de trás.
Comecei a perceber que o foco dos olhares eram para baixo da minha cintura… Lembrei imediatamente do “tranco” no tobogã; levei as mãos até a parte de trás, e quando toquei as minhas nádegas, percebi que realmente eram as minhas nádegas pois havia um pequeno “ROMBO” na minha “sunguinha”…

Impedido de continuar o desfile, pedi uma sunga emprestada…
Naquele momento estava encerrada a minha participação na 2a e histórica competição pois ninguém tinha uma sobressalente…

Segui minha carreira até os 26 anos e depois dessa não mais aqueci no escorregador…

O check list que deveria ter iniciado antes dos 25m Livre em 1978 diz respeito aos “preciosos” itens que devemos sempre carregar em nossas mochilas.

PISCINA:
1) tenha sempre um Maio ou Sunga extra em caso de finalizar o aquecimento em um tobogã, além é claro do seu traje tecnológico;
2) levar um chinelo ou algum calçado extra para manter os pés secos, geralmente um par de meias extras também é bem vindo;
3) uma toalha de secagem rápida pois a toalha normal vai estar encharcada depois da segunda prova, e com isso o peso da sua mochila vai aumentar consideravelmenta;
4) um oclinhos transparente para as piscinas cobertas, ou para as abertas com iluminação ruim quando souber que vai ter que nadar sem a luz do Sol. Seguindo o raciocínio, leve mais um escuro em caso de quebra. De preferência do mesmo modelo que já esta acostumado;
6) um bom e recheado “KIT DE SOBREVIVÊNCIA”, vulgo lancheira… Procure colocar no seu “kit” bebidas e “snacks” que costuma ingerir no dia a dia, e leve em quantidade suficiente para Você e os seus “MUI” Amigos que sempre vão dar aquela “cerrada” no seu… Procure não inovar ou experimentar nada diferente durante uma competição, o seu intestino vai te agradecer, bem como o seu Treinador;
7) caso a competição seja durante um período mais frio, leve também gorro e luvas pois os três pontos em que perdemos calor são as extremidades(cabeça, mãos e pés).

MARATONAS AQUÁTICAS:
Pode dar um “copy/paste” nos itens acima com o acréscimo de:
1) VASELINA!!!! Para não ter assaduras durante a prova, principalmente em água salgada;
2) o seu “KIT SOBREVIVÊNCIA” adequado para alimentação durante a prova;
3) caso a temperatura da H2O esteja fria, e o regulamento da prova permitir lembra-se dos novos “wetsuits” da MORMAII para as maratonas. Produto homologado pela FINA (Federação Internacional de Natação), testado e aprovado pelos Atletas MORMAII !

Ótimos treinos e excelentes provas…
Forte e molhado abraço,
Indiani

Alexandre Indiani
#ENCONTRO DE TÉCNICOS
#MORMAII NATAÇAO e WETSUIT
Skype a.s.indiani / USA +1 904-525 0644