Ouse, busque um resultado diferente

Você tem um tempo (aquele tempão) em mente, sabe o que quer fazer. Já sabe o que te guia.
Você fez a programação que te leva a até seu resultado. Mas as vezes você está menosprezando pequenos detalhes. Como são suas competições até você chegar até o que você deseja? Você consegue ousar e tentar estratégias diferentes nas competições?

– Eu ouso fazer uma passagem bem forte em uma competição ou até mesmo em um treino?
– ou o medo de quebrar é mais forte e não me deixa tentar?

Já refleti a respeito… Qual é o problema se na minha preparação de 2 meses, eu (com o consentimento do meu técnico) vou tentar uma estratégia de prova mais forte, diferente, mesmo que saia quebrado?

Muitas vezes repetimos padrões de comportamento, simplesmente por não percebermos que se continuarmos a fazer o que sempre fizemos os resultados serão sempre os mesmos.

Séries para o melhor tempo não podem ser repetidas em competições de pequeno porte, como parte de uma estratégia de prova diferente.

Em termos psicológicos estaremos trabalhando com a CONFIANÇA.(crença nas suas próprias qualidades,- acreditar plenamente, com firmeza) – origem da palavra.com.br

Sim confiança que é um dos ingredientes da receita de sucesso. Esse item para aparecer requer trabalho, é necessário a disciplina, o comprometimento, e principalmente a coragem. Porque é necessário ousar para ter confiança. É necessário fazer o melhor a cada serie. É sair de cada treino com a sensação de trabalho realmente feito. É chegar nas pequenas competições e realmente trazer tudo o que foi feito e experienciado durante os treinos para a competição.
Muito se fala em transportar a parte física para a água, mas pouco se fala em transportar o treino para a competição.

Fazer competições ousadas não é fácil. É sair as vezes cansado e com um resultado final ruim…. mas ao mesmo tempo é saber que está no caminho certo. É saber que sua passagem foi excelente é esta dando certo as séries que tem mantido a média ideal. Competir é acertar as arrestas.

O ponto é que na realidade não compreendemos as competições desta forma. Competir não é ganhar sempre, isso não é necessário. É necessário perceber o caminho que estamos percorrendo para chegar onde queremos.
Pense a respeito:
1) O quanto Você ousa ou tem ousado nas competições?
2) Dói ser ousado?!
3) Será que a ousadia lhe fará mais confiante?!
4) Ousar te coloca mais perto da sua meta final?!

Bora lá ousar.

Márcia Martins